sábado, 20 de junho de 2015

Amar é ...

Amar, não é apenas dar ou receber
Amar, é compartilhar
Amar, não é cobrar para receber prazer
Amar, não é pagar para ele ter
Amar é, justos gozar e ter prazer
Amar, não é em datas especiais apenas impressionar
E, não esquecer de presentear
Amar é, o ano todo e todos dias o dia todo se lembrar
É, lembrancinhas pra ele e a ela também trazer
É, sempre a ela ou a ele por isso agradecer
Amar, não nasce da noite para o dia
Amar, também não é para todos
Também não se deve amar ou doar teu amor a qualquer um
Há que haver muitos algo a mais neste outro
Para teu amor merecer...
Amar é, construir e não destruir, regar e deixar florescer
Amar, não é a banalização ou a desvalorização do verbo
Mesmo que em poesias escrever, ou declamar
Amar, é amar
Amar, é atitude, gesto e duração
Amar é, semblante, é perdoar, é pedir perdão
Amar, não é apenas ter hombridade de pedir perdão
E exigir do outro um esquecer imediato
Amar é, ir e nunca mais errar e não pecar
Amar é, reconhecer principalmente em você o certo e o errado também
Amar, também é ao outro perdoar
Amar, não é todos os dias, lembra ele a ela e ela a ele o tal pecado
Amar, não é sempre trazer a tona o luto do passado
Amar é, compreender a dor do outro
É comprometer-se e nunca mais desprazer trazer, fazer e provocar
Amar, não é uma competição entre homens e mulheres
Amar é, colaboração, junção, soma e união
Amar, não é e nunca foi e nunca será do outro subtrair
Amar, não é uma busca apenas por si e para si
Amar é, todos dos dias ligar um para o outro, se importar com o outro sempre
Amar é, perguntar; e ai?, tudo bem?, como esta? Mas não apenas por curiar
Amar é, muitas vezes compartilhar tristezas, e um ao outro ouvir com atenção
Amar, não é sempre ter uma resposta pra tudo ou exigir que o outro a tenha
Amar é, na maioria das vezes ceder o ombro e ou ouvidos de maneira recíproca
Amar, tanto faz se macho ou fêmea, é quando precisar poder confiar pra chorar
Amar é, sentir e deixar as lagrimas do outro alcançar e perfurar o coração
Amar é, manutenção preventiva é proteção especial e seletiva
Amar é, não deixar desgastar ao ponto de tudo se acabar e o desamor chegar
O amar , não é coerção, por isso não se pede, não se implora e não se impõe
Amar é, inato em nós, é misterioso seu brotara e existir
Amar, não é apenas sim amar também é não
Amar, não é apenas loucuras é além de tudo muita razão
Ser amado sim é pura emoção


Elieser Santos, texto original de 22/03/14 – atualizado em 20/06/15