sexta-feira, 18 de dezembro de 2015

Sonhando Acordado



Sonhei imaginando estar acordado
Sonhei desfrutando e vivenciando
Desfrutando a bela vida que tenho
Vivenciando a plenitude do amar
Sonhei amando e sendo amado
Sonhei desejando e sendo desejado
Sonhei fazendo amor
Não aquilo banalizado
Pois era você pretinha
Quem estava ao meu lado
Dando tudo de si
E eu nunca ao contrário
Mas, de sopetão acordei
Por um esbarrão de realidades
Fui num susto despertado
Por ser apenas um sonho
Mesmo sendo eu e você
Pura realidade
Acordei ...
Interrompendo assim
Meu sonho,
Meu desejo,
Minha enorme e eterna vontade
De viver realmente e de verdade
Tudo que ao longo de anos
Eu tenho sonhado


Elieser Santos